Praça São Pedro

CROCE IN MEZZO AL MARE

Roma Dia 19 – Auditorium de la Conziliacione

Noite de música no Auditório Santa Cecília, em Roma, na presença dos padres sinodais. A Rádio Vaticano e o Secretariado do Sínodo dos Bispos, em parceria com a Prefeitura de Roma, organizaram o show "Cruz no meio do mar".


Guiado pelo grupo da Guiné-Bissau "Fifito e Bumbulum", o concerto homenageou ícones da música africana, como o congolês Papa Wemba, o angolano Bonga e o senegalês Pape Kanoute e sua maravilhosa Kora, a harpa africana.

http://www.paoline.it/dettaglioEvento.aspx?idEvento=292

Participaram ainda Saba Anglana ( Somália), Solange Cesarovna (Cabo Verde) e Dhara (Itália), jovens cantoras que atuaram durante todo o espetáculo com Filomeno Lopes, em sintonia com o coral de 20 vozes da Hope.

O Quarteto brasileiro Palha de Milho também deu sua contribuição, apresentando uma música fruto de suas recentes turnês pela África.

Durante quase três horas, a platéia de 2000 pessoas que lotou auditório, assistiu músicas e momentos de reflexão sobre a realidade que vive hoje o continente e as possíveis vias para uma melhor integração, sobretudo entre África e Europa.

Saudaram o público o prefeito de Roma, Gianni Alemanno, o secretário-geral do Sínodo dos Bispos, Dom Nikola Eterovic, e o diretor-geral da Rádio Vaticano, Padre Federico Lombardi.

Dom Eterovic, falando do Sínodo em andamento, pediu a oração de todos para que a fadiga desses dias produza abundantes frutos pelo bem de toda a sociedade africana, "de cuja Igreja é alma e fermento de uma África reconciliada, justa e pacificada".

Por sua vez, Padre Lombardi ressaltou o espírito com o qual o espetáculo foi organizado, ou seja, para que as mensagens e o documento final que o Sínodo produzirá entrem na vida cotidiana das pessoas e, nesse sentido, a música, em especial na África, pode dar sua valiosa contribuição.

No final, os padres sinodais deixaram a timidez de lado e também aderiram ao entusiasmo dos presentes, esboçando alguns passos de dança.